quinta-feira, 5 de julho de 2012

Receitas de Legumes

Em resposta à Teresa, aqui ficam algumas maneiras de utilizar os legumes para acompanhar os mais diversos pratos.

Em primeiro lugar, quais os legumes que podemos utilizar? Todos, menos a batata! As ervilhas são também um óptimo acompanhamento, eu não as como simplesmente porque não gosto, nem de ervilhas nem de favas, e por isso não costumam constar das ementas cá de casa.
Assim: alface, cenoura, todas as couves, courgettes, pepino, beringela, tomates, espinafres, agriões, nabiças, aipo, cebola, alho, pimentos, grelos, ervilhas...

Em segundo lugar, tem especial importância a maneira como os confeccionamos, e para isto há duas regras fundamentais:

1. A única gordura utilizada deve ser o azeite e, para quantidades médias (2 a 4 pax), nunca ultrapassar as 2 colheres de sobremesa de azeite. É mais que suficiente.

2. Não entram refogados, fritos, etc. Devemos privilegiar os legumes crus, cozidos, cozidos ao vapor, estufados, assados ou grelhados.

Em terceiro lugar, deixo aqui algumas receitas variadas de legumes, exactamente como eu as faço, que espero que ajudem a todos aí em casa!


SALADAS 
(o acompanhamento que mais uso, por ser mais prático, acompanha pratos de carne e peixe)

Lavar bem algumas folhas de alface (alface normal, roxa, iceberg, romana, etc) e dispôr numa saladeira.
Acrescentar rodelas de tomate e de pepino e temperar com cebola em meias-luas, azeite (aqui nunca mais do que uma colher de sobremesa), vinagre ou limão, sal e orégãos ou ervas de Provence.

Pessoalmente não como a cebola crua, mas acho que dá um gosto especial à salada, por isso uso como tempero.
NOTA: não devem ser acrescentadas frutas nas saladas.




LEGUMES DE FORNO 
(normalmente faço quando o prato é peixe assado ou frango/porco assado. É mais prático, vai tudo ao forno e cozinha-se tudo ao mesmo tempo)


Aqui pode-se variar conforme o que se tiver em casa.
Dispõe-se o peixe/carne no tabuleiro e por cima põe-se cebolas em meia lua, tomate aos quartos, pimentos em tiras. Se se quiser, pode-se acrescentar courgettes aos cubos ou às rodelas, temperar com 2 colheres de sobremesa de azeite, sal e ervas de Provence e limão.






LEGUMES ESTUFADOS
(aqui o truque é fechar a tampa da panela para que se crie vapor e haja alguma água para não queimar no fundo. Se faltar água pode-se acrescentar um pouco)


2 beringelas
1 courgette
1 alho francês ou uma cebola
Uma mão cheia de feijão chicote (uma espécie de feijão verde mas mais pequeno, vende-se congelado)

Cortar as beringelas ao meio e retirei a polpa às 4 metades. Ficam uns barquinhos que vão navegar para o forno a 180º enquanto fazemos o resto.

Nada de queijo por cima!!
Nada de queijo por cima!!
Num tacho pequeno e com alguma altura, desfaz-se o recheio das beringelas em pedaços pequenos, junta-se courgettes também em pedaços pequenos, o alho francês, o feijão chicote, UMA colher de sopa de azeite (chega perfeitamente), sal e fecha-se a tampa. Deixar estufar um pouco, até cozer, mas não em demasia, para que fiquem estaladiços.

Depois é só colocar o recheio nos barquinhos de beringelas saídos do forno, umas sementes de linhaça a enfeitar e já está!

Fácil e rápido.



LEGUMES COZIDOS/GRELHADOS

Cortar cenouras na diagonal, pimentos, rodelas de courgettes e rodelas de beringelas, e levar a grelhar com uma pincelada de azeite, sal e ervas de Provence e limão.

Depois de grelhados, pode-se deixar cerca de 15 minutos no forno para cozinhar uma pouco mais.

Bróculos cozidos ao vapor com azeite e limão, esparregado, grelos cozidos, etc, também são excelentes acompanhamentos de legumes!

        

 Bons cozinhados!!




1 comentário: